NOVIDADES

♥ Anuncie aqui! Fale conosco!

Os desafios da maternidade real: BELEZA INTERIOR

O que é belo para nós? Isso é um conceito próprio ou pré-definido socialmente? Essas perguntas me ocorreram essa semana quando me deparei com um depoimento sobre o quanto a beleza do outro reverbera em alguém.

A maternidade é algo tão cruel muitas vezes que uma outra mulher estar bem vestida, arrumada pode se tornar até provocativo em determinado momento. Isso me preocupou por algum instante, pois trabalho com mulheres, mães, bebês e famílias há alguns anos e sempre me preocupei e continuo me preocupando com a minha imagem pessoal ao me apresentar para cuidar de alguém.

É fundamental para que eu possa cuidar bem de outra pessoa que em primeiro lugar eu cuide de mim. Nunca me imaginei sem maquiagem, por exemplo, no puerpério mesmo que fosse terrível como foi. Mas era eu quem não me permitia sair do quarto sem me olhar no espelho e encontrar aquela mulher que me reconhece. Mas isso é pessoal, e não exige esforço, é um carinho que eu me ofereço todo dia.

A importância não está na aparência, mas sim em estar bem para bem cuidar de tantas mulheres e bebês em situações delicadas, tensas e dolorosas. A beleza está em trazer o que de melhor tem no interior e refletir para outras mulheres, compartilhar momentos, acolher, apoiar e incentivar o seu melhor, sem frustração, sem comparação, sem culpa.

O maior inimigo de nós mulheres está na infelicidade da competitividade em querer ser o que não somos. E nesse momento de transformação tudo o que não nos cabe é não nos deixarmos ser cuidadas ou conviver com alguém por um pré-julgamento inexistente.

A maternidade não precisa dessa vaidade, precisa de SORORIDADE, de empatia, de nos darmos as mãos e compartilhar vivências, desafios, medos, anseios e aflorar a nossa beleza interior para que o nosso exterior brilhe e impulsione cada vez mais outras tantas mães e mulheres fortes e corajosas como nós.

Vamos contribuir para um universo materno mais leve e mais sereno onde entre apenas a gratidão, a bondade e a vontade de construir uma ponte entre tantas mulheres que precisam de cada uma de nós!

Que sejamos mais e melhores e a cada dia!

 

Escrito por:

Cristiane Alves Santos, Enfermeira e Idealizadora da Maternité-Assistência Materno Infantil e mamãe da Clarinha! <3